Rodaverde.com

Blog / Notícias

Conectores para recarga de carros elétricos

Os veículos elétricos possuem uma entrada (ou "tomada') para que seja possível recarregar as baterias, para tanto, um conector é ligado à uma estação de carregamento para que a energia da rede possa fluir até o banco de baterias. Existem alguns tipos de conectores disponíveis atualmente e infelizmente ainda não existe um padrão mundial. São eles:

TIPO 1 - EUA


Padrão do mercado norte-americano com alimentação em corrente alternada - AC (conector à esquerda) com potência de até 19,2kW. Em 2014 foi lançado o modelo CCS1 Combo com alimentação em DC (à direita) com potência máxima de até 200kW, porém, limitado comercialmente à 150kW. Este é o conector padrão de carros importados feitos para o mercado norte-americano como o Chevrolet Volt.


TIPO 2 - EUROPA (E BRASIL)


Este é o conector mais comum e é o padrão do mercado europeu e de grande parte do mundo. No modelo à esquerda podemos ver o conector que é alimentado em AC com potência de até 50kW, chamado de Mennekes, ou IEC 62196. Em 2013 foi lançado o modelo CCS2 Combo com alimentação em corrente contínua ? DC que pode fornecer uma potência de até 350kW.
Este é o conector mais encontrado no Brasil, o modelo AC em nível 1 ou 2 são encontrados em shoppings, supermercados e comércios em geral. Já o modelo CCS Combo 2 em fast-charge são encontrados em estações de recargas em rodovias, como a Eletrovia do Paraná.


CHAdeMO - JAPÃO


O conector CHAdeMO foi o primeiro modelo apresentado e é o padrão para o mercado japonês. As grandes montadoras Honda, Nissan, Mitsubishi, Subaru e Toyota se uniram para tentar tornar esse padrão o mundial, porém, sem sucesso. O Nissan Leaf é um exemplo de carro vendido no Brasil que possui esse tipo de conector. A potência é de até 60kW.


GB-T - CHINA


Este é o padrão do mercado chinês, regulado por normas do governo e visto apenas em modelos fabricados lá, como o JAC iEV40 por exemplo. A potência é de até 14kW em AC e de até 187,5kW em DC, de acordo com a norma GB/T 20243.3 DC. As imagens acima são do modelo mais comum, o DC.


TESLA - EUA


Este é o conector padrão da Tesla no mercado norte-americano - e apenas lá. Para os modelos exportados para outros mercados, a Tesla fornece os conectores do tipo 2. Existe a possibilidade de adquirir adaptadores para CHAdeMO, GB-T e principalmente tipo 1.
Os carregadores residenciais da marca são alimentados em AC e possuem potência de até 19kW, já os fast-charge, chamados de Tesla Supercharger, possuem potência de até 250kW.


CHAdeMO 3.0 (ou ChaoJi) - MUNDO?


A associação CHAdeMO e o conselho de eletricidade do governo chinês estão trabalhando em conjunto em um projeto para padronizar os tipos de conectores e os protocolos de comunicação, unificando pelo menos os modelos CHAdeMO e GB-T. O protótipo foi anunciado em abril de 2020 e divulgaram que a potência máxima em DC poderá chegar aos 900kW (com 600 A e 1500 V).
Possivelmente o novo padrão ChaoJi seja compatível com os modelos CCS Combo, o que permitiria uma padronização mundial pela primeira vez.


Exemplo de carregador fast-charge no Brasil


Este é o modelo de estação de recarga fast-charge mais comum no Brasil, encontrado principalmente em rodovias. Neste tipo de estação são disponibilizados três tipos de conectores e dois modos de recarga simultaneamente, ou seja, até dois veículos podem ser recarregados ao mesmo tempo.
O primeiro conector, à esquerda, é um conector do tipo 1 com alimentação em corrente alternada. O conector central é do padrão japonês CHAdeMO com alimentação em corrente contínua. Já o terceiro conector, da direita, é um CCS Combo do tipo 2 com alimentação também em DC.


RESUMO


Um abraço,
Carlos Eduardo

Contato ou sugestões para conteúdo:

< VOLTAR
© 2020 Rodaverde.com - Todos os direitos reservados ||
Criação de sites: Trupe Agência Criativa